Bebedouro de Bilha e Comedouro – Chalesco

Olá! Hoje vou contar para vocês a minha experiência com o bebedouro de bilha / comedouro da Chalesco.

bebedouro-chalesco-com-suporte-e-comedouro-verde

Antes de adquirir o produto, tive vários bebedouros que não deram certo para o Mylow. Quando fui buscá-lo no canil,  me aconselharam a não usar a bilha, pois disseram que o cão não consegue beber água suficiente, e me sugeriram comprar esse modelo com limitador de água:

bebedouro com limitador

Só que o My começou a deitar em cima do bebedouro, então, quando eu chegava em casa, o pescoço dele estava todo molhado! No desespero, corri no Pet Shop mais próximo e comprei uma bilha de fixar na parede/grade. Achei super barato e decidir experimentar para ver o tal bicho papão da bilha. Porém, como todo barato sai caro, ele tinha uma molinha na ponta (e não bolinhas) e pingava o tempo todo, o que me deixou com medo de que a água da garrafinha acabasse e o My ficasse sem água para beber enquanto eu estivesse fora trabalhando. Era de um modelo assim:

bebedouro

Liguei para veterinária dele e ela me aconselhou a comprar a bilha da Chalesco, que era o que ela usava, e falou que pro Mylow era a melhor solução. Ela afirmou que não teria problema, pois ele iria beber água sim, toda vez que sentisse vontade. Ainda, me disse para retirar a antiga, porque, se molhando tanto, o My poderia acabar tendo algum problema na pele.

No mesmo dia consegui comprar o tal bebedouro! Mas achei que quase não saía água e fiquei cheia de dúvidas. Pesquisando na internet, descobri que muita gente retirarava uma das bilhas que tem na parte da frente.

passoapasso

Foi o que eu fiz e com isso ficou tudo mais fácil! A água escoava com muita facilidade e o melhor de tudo: não pingava nada no chão. Outro ponto que considero superpositivo é que o produto é comedouro também, o que torna tudo mais compacto e, esteticamente falando, mais bonito. O tamanho do comedouro é de aproximadamente 200 mL e do bebedouro aproximadamente 500 mL.

Sei que muita gente é contra a bilha. Eu também, como moro no Rio de Janeiro (onde faz muito calor), diversas vezes pensei que o Mylow tomaria mais água em um bebedouro normal. Até pensei em comprar o Vida Mansa, mas desisti depois que encontrei outra solução. Então faço assim: sempre que chego em casa, coloco um potinho com água bem gelada e deixo o My beber à vontade. Logo que ele para, retiro o potinho e enxugo a barbinha. Faço o mesmo procedimento quando ele chega do passeio diário e sempre que acho que ele está ofegante. Mas, durante o dia, ele fica só na bilha.

Esse bebedouro da Chalesco tem grande variação de preço, de R$60,00 a R$120,00! Pois é, tem que pesquisar antes de comprar logo no primeiro lugar.

“A Chalesco investe constantemente em pesquisas e no desenvolvimento de produtos, junto a fabricantes nacionais e internacionais, para oferecer a seus clientes uma linha variada, com alta tecnologia, qualidade, design e excelente relação custo-benefício.
Sanar problemas de forma rápida e eficiente, ouvir e incorporar críticas e sugestões, oferecer suporte técnico, produzir materiais adequados à comunicação das marcas e à exposição dos produtos ao consumidor são alguns dos meios adotados pela empresa para ampliar os benefícios do serviço que oferece ao mercado.”

Existem bebedouros similares de outras marcas também, mas aconselho a, antes de comprar, perguntar a um amigo, ou pesquisar na web a opinião das pessoas, já que não é um produto tão barato assim.

E não se esqueçam de manter a água sempre fresca e limpar frequentemente seu bebedouro, pois assim seu animalzinho fica livre de bactérias e fungos.

Mylow

E aí, ja curtiu nossa Fanpage? Passa lá!!

Anúncios

Como fazer um suporte para bilha

Quem nunca foi a um pet shop comprar um bebedouro de bilha e encontrou apenas a bilha, sem o suporte? Pois é, aconteceu comigo!

Sempre fui fã de trabalhos manuais, então me veio a ideia: “vou fazer eu mesma um suporte”. Assim, ainda me via livre dos aborrecimentos de suportes para cachorros menores. As meninas vivem reclamando, pelo menos.

Fui fazendo e minhas amigas gostaram. Daí estou eu aqui fazendo o passo a passo para vocês.

Vamos  lá!

Para fazer o suporte vamos precisar de:

  • 2 madeiras (o tamanho varia de cão para cão) cortadas em forma de placa/chapa
  • 1 garrafa pet de refrigerante de 600ml (usei o de Coca-cola por ser transparente e ter a parte do rótulo para enfeitar, mas pode ser garrafa de água também)
  • Bilha
  • Papel contact (tem vários modelos desenhados)
  • Adesivo de letras
  • Tesoura, cola para tecido, fita, pregos e parafusos

Primeiro enfeitei a garrafa, passei fita e usei a cola para tecido para fixar. Embora as letras fossem adesivas, também reforcei com cola para tecido para não correr o risco de cair sozinho. Veja como ficou:

10000121_708143945873436_2057201527_n

Fiz para o Cerberus também:

10009590_708100752544422_321809454_n

Depois peguei 2 pedaços de madeira: o primeiro usei como suporte e o segundo como base. O tamanho pode variar de acordo com o tamanho do cão. Como fiz para a Lillith, as medidas foram as seguintes:  base com 14cm x 10cm  e suporte com altura de 35cm e largura de 10cm. Você precisa fazer o suporte num tamanho bom para o cão dar uma erguidinha na cabeça para beber a água. Lembre-se que, aumentando o tamanho do suporte, é preciso aumentar o tamanho da base também. A madeira utilizada tem 2 centímetros de espessura.

10013604_708515785836252_1241481772_n

Antes de montar passei o contact, envelopando por total as 2 placas de madeira. Logo em seguida preguei a base ao suporte, usando a medida de mais ou menos 5cm para a parte de trás (a parte maior precisa estar na frente, pois é onde a garrafa com água ficará).

montagem

Prendi o suporte com 2 parafusos e pronto. Fácil e rápido! rsrs (Cerberus não usa bilha, nunca aprendeu e acha tecnologia demais para ele)

pronto

É super simples, mas fica muito fofo.