Pseudociese – respire fundo, está tudo bem!

 
Minha cachorrinha engordou, começou a montar um ninho, às vezes fica agressiva e chegou a ter produção de leite nas glândulas mamárias. Minha cadela está grávida? Mas ela não cruzou, como isso?

Mais conhecida como gravidez psicológica, a pseudociese não é tão perigosa assim. Trata-se de um disfunção hormonal da progesterona (hormônio do sexo feminino) que faz com que a cadela acredite que esteja grávida mesmo não estando. Ocorre quando a cadela não é castrada, e quando ocorre uma vez, ela pode apresentar o problema novamente. Acontece pelo menos uma vez com 50% das cadelas que não são castradas, geralmente entre dois a quatro meses depois do último cio.

Comumente a cadela começa a juntar objetos, brinquedos ou sapatos e a cuidar como se fossem sua cria. Algumas fêmeas ficam bem irritadas se você tenta tirar dela, porque afinal pra ela está apenas defendendo sua cria. É indicado que os donos não tentem tirar os filhotes imaginários, pois isso pode deixar a cadela bem ansiosa e agressiva.

Preciso procurar um veterinário?

Sim. Embora na maioria das vezes as fêmeas retomem seu comportamento normal após cerca de duas semanas de “gravidez”, há casos em que a ajuda medicamentosa ou até cirúrgica como a castração pode ser indicada – o tratamento varia de acordo com os sintomas da cada fêmea. Além disso, o acúmulo de leite nas mamas pode gerar uma infecção conhecida como mastite ou empedramento do leite, causando dores, nódulos e tumores na área, além de muita irritação, e deve ser tratada rapidamente por um profissional. Infelizmente a falta de tratamento pode acarretar uma série de problemas bastante complicados, incluindo tumores, infertilidades e o câncer.

Sua melhor forma de prevenção é a castração, já que evita a produção dos hormônios ligados à gestação.

Por que acontece?

É uma questão comportamental. A origem desta disfunção hormonal vem da época em que os cachorros eram selvagens. Antigamente as fêmeas que ocupavam uma posição inferior na matilha tinham um aumento da produção de leite, de modo que podiam ajudar a alimentar os filhotes de uma mãezinha que tinha dado à luz recentemente.Com isso os filhotes cresciam fortes e saudáveis. Era uma questão de trabalho em grupo. Esse comportamento hoje não é mais funcional, porém foi mantido e ocorre ocasionalmente.

 
Obrigado pela visita, espero você mais vezes aqui!

Anúncios

Carteirinha de Vacinação em dia!

Logo nos primeiros meses de vida das nossas bolinhas de pelo, elas passam por uma série de cuidados e um deles é a vacinação. As vacinas são muito importantes para o crescimento saudável e preventivo do seu pet. Mas esse tema ainda causa algumas dúvidas como: “E se passar da época de tomar a primeira dose?” ou “Não tenho certeza se foi vacinado?” ou “Não sei quais vacinas são mesmo importantes” e muitas outras que permeiam o universo canino e seus cuidados.

vacinação

Completar o ciclo de vacinação é fundamental e obrigatório. Na fase inicial, o ciclo conta com 3 doses da vacina múltipla e uma anti-rábica, respeitando a seguinte ordem:

  • 1ª dose: a partir dos 45 dias é a primeira dose da múltipla (V8 ou V10). Dê preferência às importadas.
  • 2ª dose: ocorre com pelo menos 21 dias após a primeira dose (intervalo mínimo para a próxima dose), isso pode ocorrer aos 66 dias. (um pouco mais de 2 meses)
  • 3ª dose: mais 21 dias após a última vacina, será aplicada a terceira dose. (V8 ou V10)
  • A última vacina é a anti-rábica, que, dependendo da idade do filhote e do veterinário, poderá ser aplicada junto a 3ª dose (V8/V10). Mas pode ser aplicada separadamente também.
  • Depois do ciclo completo é preciso renovar anualmente uma dose da vacina múltipla e a uma da anti-rábica.

As vacinas múltiplas previnem as principais doenças: Cinomose, Hepatite Infecciosa Canina, Adenovirose, Coronavirose, Parainfluenza Canina, Parvovirose, Leptospirose Canina. E a anti-rábica imuniza contra a Raiva.

Para o caso de cães (adultos ou filhotes) que você não sabe se foram vacinados, deverá ser feito todo o ciclo e respeitar o intervalo de 21 dias entre cada dose de vacina. Mas se existir histórico de vacinação, respeite a renovação anual. Muitos veterinários desconfiam se realmente foi aplicada a primeira dose da múltipla, se você não tiver certeza e desconfiar também, será melhor que inicie desde o começo todo o ciclo, pois é muito importante ter o cãozinho vacinado e prevenido. Para evitar dúvidas, faça questão da carteira de vacinação com os comprovantes de vacina colados, esse documento é muito importante. Ao lado de cada comprovante, deverá ser anotada a data de aplicação da vacina, a data da próxima dose e o veterinário responsável deverá assinar e colocar o número do seu CRMV.

Além das vacinas obrigatórias, existem as preventivas como a de Gripe, Giardia e de Leptospirose, mas só as aconselho em caso de surto ou evidência de necessidade. Alguns veterinários defendem a renovação a cada 6 meses da Vacina contra leptospirose, mas só renovei uma vez nesse intervalo, quando começou uma obra próxima ao meu prédio e estava com muito rato na rua e fiquei com medo. Mas fora essa necessidade não vejo motivos, já que a múltipla tem validade de 1 ano. Atenção: as vacinas preventivas não são contra indicadas, apenas não são obrigatórias e algumas não possuem um alto grau de eficácia comprovada.

As vacinas podem causar algumas reações e é muito comum ocorrer dias após as aplicações. Alguns sintomas são: apatia, vômito, diarreia, às vezes até febre. Pode ficar dolorido e com um calombinho no local da aplicação, para isso aconselho compressas de água fria ou quente.

Observações importantes:

– Cães com menos de 45 dias não podem ser vacinados;

– Tenha uma carteirinha sempre atualizada e uma agenda de anotações para acompanhar todo histórico do seu filhote;

– Além das vacinas, os vermífugos precisam estar em dia;

– O cão só pode ir a rua e ter contato com outros cães (desconhecidos) após 15 dias de completo todo o ciclo de vacina inicial;

– É indicado o repouso sem passeios de pelo menos 1 semana a 10 dias nas renovações das vacinas anuais;

– Seu cão com as vacinas em dia não precisa participar das campanhas oferecidas pelo governo.

Mesmo usando carrapaticida, meu cão vive com pulgas e carrapatos. Por quê?

pulgas e carrapatos

 

Bom, hoje o post é mais pra compartilhar o momento que eu estou passando com os meus peludos. Desde que chegaram, tanto Mylow quanto Jolie sempre usaram Frontline Plus, somente uma vez tentei mudar e foi uma super dor de cabeça, até fiz um post sobre isso. Porém, mesmo usando o Frontline, que, venhamos e convenhamos, não é nada barato, volta e meia encontro pulgas e carrapatos! Claro que não há infestação, mas o que vem me deixando descontente com o produto é que quando pego o parasita sempre está vivo e  muito ativo – nem um pouco lentos ou mortos como gostaria que estivessem. Entrei em contato com o 0800  deles e me informaram a forma correta de aplicação, e percebi que esse não era o problema, pois aplicava exatamente como mandavam. Disseram também que tem um tempo para o produto fazer efeito, tanto pra pulga, quanto pro carrapato. Enfim, continuei cheia de dúvidas e não sabendo porque, mesmo usando regularmente, ainda estava tendo problema com essas pragas.

Essa semana, visitando a veterinária, falei sobre o problema com o Frontline e comentei que estava com vontade de fazer o uso do Bravecto, porém estava receosa por ser um produto novo no mercado e não conhecer seus efeitos a longo prazo. Ela me explicou que quando você perceber que o produto que utilizado não está mais fazendo efeito, o ideal é mudar por um com o princípio ativo diferente. Isso porque, uma vez que uma pulga sobreviva ao produto, todos os seus descendentes terão resistência a ele.

Confesso que sou muito relutante para mudanças. Mas ela me passou alguns nomes de produtos que estão há tempos no mercado, de bons laboratórios para eu ter opções e vou dividir aqui com vocês. Também vou deixar algumas informações sobre o Bravecto, já que muitas pessoas tem usado e amado (porém ainda estou em dúvida sobre usar ou não).

 

Bravecto

  • Descrição de Anti Pulgas e Carrapatos Bravecto para Cães

O Anti Pulgas e Carrapatos MSD Bravecto para Cães é um comprimido mastigável, indicado para o tratamento de infestações por carrapatos e pulgas, em cães, proporcionando 12 semanas de proteção. É um inseticida e acaricida, sistêmico com longa duração de ação, que promove eficácia imediata e persistente por 12 semanas contra carrapatos (formas adultas e jovens de ixodes ricinus, ixodes hexagonus, ixodes holocyclus, dermacentor reticulatus, dermacentor variabilis e rhipicephalus sanguineus) e pulgas (ctenocephalides felis e ctenocephalides canis). Pulgas e carrapatos devem estar aderidos ao cão, e já tendo iniciado a alimentação para serem expostos ao princípio ativo. O início da ação é dentro de 8 horas para pulgas e 12 horas para carrapatos. Bravecto controla eficazmente as populações de pulgas no ambiente, nas áreas às quais o cão tem acesso. Bravecto pode ser utilizado como parte de uma estratégia de tratamento para a dermatite alérgica à picada de pulgas. Bravecto pode ser utilizado em cães reprodutores, fêmeas gestantes ou lactantes. Bravecto foi bem tolerado em cães da raça collie.

  • Laboratório: MSD Saúde Animal – Schering

Uma empresa de renome global. Tradicional, tem como metas a pesquisa, o desenvolvimento, a produção e a comercialização de uma extensa linha de medicamentos e serviços da área veterinária. Seu portfólio é um dos mais inovadores do mercado, envolvendo produtos para a prevenção, tratamento e controle das mais diversas doenças referentes às principais espécies de animais de estimação ou mesmo de pecuária. O maior objetivo da MSD é contribuir para a continuidade do sucesso, desde os seus fornecedores, passando pela distribuição, até o cliente final (os animais) com produtos que façam a diferença. Com a mais alta credibilidade e confiança, a marca vem, cada vez mais, atendendo e conquistando a satisfação de todos que apreciam seus produtos, serviços e soluções. Tal sucesso só pode ocorrer caso sejam mantidos o alto padrão, o profissionalismo e a integridade, marcas registradas MSD.

  • Benefícios:

– Um único comprimido mastigável é eficaz por 12 semanas, quase três vezes mais do que soluções e aplicação mensal;

– Começa a agir a partir de 2 horas matando pulgas e no tratamento do controle de carrapatos;

– Não se preocupe mais com as soluções líquidas que bagunçam os pelo do seu pet, deixando-o desconfortável;

– Mastigação oral.

– Diferente de soluções tópicas, não há necessidade de separar o seu pet de outros animais após oferecer o comprimido mastigável de Bravecto.

  • Como Funciona

Depois de oferecer ao seu cão o Bravecto, a medicação atinge rapidamente o sangue dos tecidos sob a pele do seu cão. Quando as pulgas e carrapatos consumirem este sangue, ingerem Bravecto e morrem. Bravecto também mata carrapatos estrela solitária durante 8 semanas.

Bravecto deve ser administrado por via oral em dose única a cada 12 semanas de acordo com a posologia e peso do seu cão. O tratamento pode começar em qualquer época do ano e pode continuar durante todo o ano, sem interrupção para garantir que seu cão fique livre de pulgas e carrapatos.

  •  Cuidados

– Manter o produto na embalagem original até sua utilização, a fim de evitar que crianças tenham acesso direto ao produto;

– Não comer, beber ou fumar enquanto manusear o produto;

– Lavar bem as mãos com água e sabão imediatamente após o uso do produto;

– Restos do produto ou embalagens vazias devem ser descartados de forma adequada, de acordo com as exigências locais;

– Este produto não deve ser utilizado para o tratamento de filhotes de cães com menos de 8 semanas de idade

O seu preço varia de de R$130,00 à R$250,00, de acordo com o peso do cão. Não é um produto barato, mas se for pensar que pagamos por volta de R$ 50,00 em produtos que duram por um mês, acaba saindo o mesmo valor.

Frontline Plus

  • Descrição de Anti Pulgas e Carrapatos Frontline Plus para Cães

O Anti Pulgas e Carrapatos Frontline Plus para Cães é o produto mais indicado para o controle de infestações por pulgas, carrapatos e piolhos. Se usado periodicamente, é a maneira mais eficaz de quebrar o ciclo da pulgas, evitando a reinfestação ambiental. É pratico, muito fácil de aplicar com a pipeta e seguro. Sua fórmula exclusiva ataca o problema de pulgas, carrapatos e piolhos adultos.

  •  Laboratório: Merial

A Merial é uma das empresas líderes em saúde animal em todo o mundo. Dedica-se exclusivamente à saúde, à performance e ao bem estar dos animais domésticos e silvestres, através da produção de produtos para uso veterinário e vacinas.

Produzem uma extensa gama de produtos farmacêuticos e vacinas que compreendem a família de produtos para a saúde animal de maior êxito da indústria veterinária. A Merial apóia e incentiva a participação de seus empregados em uma série de atividades comunitárias, demonstrando assim o seu comprometimento e de seuss colaboradores com questões que afetam nossa sociedade.

  •  Benefícios:

– Ação rápida;

– Proteção prolongada;

– Fácil aplicação;

– Alívio Imediato;

– Pode ser aplicado logo após o banho;

– Age no ciclo de vida das pulgas;

– Auxilia no controle da reinfestação ambiental;

– Atua no controle de carrapatos;

– Confere proteção por 30 dias;

– Pode ser utilizado em cadelas gestantes e em lactação e em filhotes de cães com mais de oito semanas de vida;

– Elimina rapidamente a causa da Dermatite Alérgica por Picada de Pulgas (DAPP);

– Protege cães contra pulgas por até 3 meses e contra carrapatos por até 1 mês.

  •  Como funciona

Frontline® Plus Cães apresenta-se em pipetas de dose única, que contêm a dose mínima recomendada para cães. Deve ser reaplicado uma vez por mês obrigatoriamente para animais em constante desafio ou de forma preventiva nos casos em que o animal se deslocará para áreas de risco (sítios, praia, hotéis para cães e gatos, praças, parques, etc.).

  • Cuidados

O produto é para uso externo somente em cães e, como em todo tratamento tópico com inseticidas, deve-se lavar as mãos com água e sabão após o uso do produto; não fumar, beber ou comer durante a aplicação; manter fora do alcance das crianças; descartar as embalagens vazias no lixo doméstico e evitar contato do produto com as mãos. Caso o cachorro lamba o produto, poderá ocorrer uma hipesalivação de curta duração, devido ao sabor amargo do excipiente. O pet pode apresentar irritações temporárias de pele no momento da aplicação. Se os sinais persistirem ou se tornarem mais graves depois de alguns dias após a aplicação, consulte seu médico veterinário. Este produto não deve ser utilizado para o tratamento de filhotes de cães com menos de 8 semanas de vida;

O preço varia de R$ 47,00 à R$55,00

Revollution

  • Descrição de Anti Pulgas e Carrapatos Pfizer Revolution

O Anti Pulgas e Carrapatos Pfizer Revolution é composto pela selamectina, uma solução pronta para uso para o tratamento tópico de cachorros.

  • Laboratório: Pfizer

Fundada em 1849, em Nova Iorque, pelos primos e imigrantes alemães Charles Pfizer e Charles Erhart, a Pfizer foi pioneira na produção de antibióticos. Hoje, traz em seu portfólio cerca de 100 produtos em diferentes classes terapêuticas para o tratamento de diversas doenças. Com investimentos significativos e tecnologia de ponta para a descoberta e o estudo de novos fármacos, a Pfizer é reconhecida por sua inovação. Além de atuar no desenvolvimento e na comercialização de produtos para a saúde humana, a companhia conta com uma divisão dedicada à saúde animal.

  • Benefícios:

– Quebra o ciclo das pulgas na primeira aplicação;

– Inibe o desenvolvimento das larvas de pulgas no ambiente devido a sua ação residual;

– Eficaz no tratamento, prevenção e controle contra pulgas;

– Auxilia o controle de carrapatos;

– Trata e controla sarna de ouvidos e sarcóptica, vermes intestinais e piolhos sugadores e mordedores.

– Auxilia a desinfestação do ambiente;

– Possibilita que o animal se molhe ou tome banho após duas horas da aplicação;

– Previne a dirofilariose;

– Pode ser usada em animais gestantes e lactantes;

– Pode ser usado como tratamento para animais com DAPP (Dermatite Alérgica à Picada de Pulgas).

  • Como funciona

Pressione firmemente a tampa para perfurar o lacre no tubo de Revolution e então remova a tampa para administrar o produto diretamente na pele do animal sem massagear o local de aplicação. Afaste os pelos das costas do bichinho na região do pescoço, à frente dos ombros até que a pele seja visível e esprema o tubo firmemente para eliminar todo o conteúdo em um único ponto.

  • Cuidados

Devido à presença de álcool em sua formulação, o produto não deve ser aplicado em peles com feridas ou rachaduras. Evite contato com os dedos durante a aplicação, que também não deve ser feita enquanto a pelagem estiver úmida. Uma aglutinação temporária dos pelos ou uma leve camada de um resíduo em pó poderá ser observada no local de tratamento em alguns animais, mas são efeitos estritamente de implicação estética e não alteram a segurança ou a eficácia do produto. Os tubos vazios do produto devem ser descartados em depósitos de lixo doméstico.

Certifect

  • Descrição de Certifect para Cães

Certifect para Cães é o seu novo aliado no combate a carrapatos e pulgas em cachorros. A ação de certifect contra carrapatos começa 2 horas após a aplicação. Em apenas 24 horas, todos os carrapatos do seu animal já foram eliminados. Certifect também mata pulgas adultas e atua sobre a capacidade de reprodução, impedindo a reinfestação, ou seja, impede o desenvolvimento das formas imaturas das pulgas (ovos, larvas e pupas), minimizando a reinfestação ambiental.

  • Laboratório: Merial

É uma das empresas líderes em saúde animal em todo o mundo, sendo a mesma fabricante do Frontline e Frontline Plus.

  • Benefícios:

– Indicado para o tratamento de infestações por pulgas e carrapatos em cães adultos e filhotes a partir de 8 semanas de idade;

– Controla rapidamente as reinfestações por pulgas adultas por até 3 meses após a aplicação;

– Trata e controla a Dermatite Alérgica por Picada de Pulgas (DAPP) se aplicado mensalmente;

– Ação rápida e proteção prolongada;

– Mata carrapatos a partir de duas horas após aplicação;

– Previne doenças transmitidas por carrapatos por quatro semanas;

– Diminui a fixação de carrapatos;

– Pode ser aplicado logo após o banho;

– Pode ser utilizado em cadelas gestantes e em lactação;

– Protege contra carrapatos por até 4 semanas e contra pulgas por até 3 meses;

– Elimina rapidamente a causa da Dermatite Alérgica por Picada de Pulgas;

– Fácil aplicação;

– Mesmo aplicado logo após o banho, Certifect™ mantém o controle de pulgas por pelo menos 45 dias;

  • Como funciona

Certifect™ apresenta-se em pipetas de dose única para tratamento de diferentes tamanhos de cães adultos e filhotes contendo a dose mínima recomentada de 6,7mg/kg de fipronil, 6 mg/kg de (S)-metopreno e 8 mg/kg de amitraz. Indicado para cães adultos e filhotes a partir de 8 semanas de idade.

  • Cuidados

Certifect™ apresenta um elevado nível de segurança, mas caso o animal lamba o produto, alguns sintomas como bradicardia, salivação excessiva, vômito, hiperglicemia, aumento de sensibilidade ao estímulo, letargia, redução de atividade ou sintomas respiratórios podem ocorrer. Animais sensíveis podem desenvolver reação alérgica no ponto de aplicação do produto, com irritação local temporária da pele. Evite o contato do produto com os olhos dos animais. Em caso de suspeita de reações adversas procure imediatamente o Médico Veterinário. A ocorrência de hiperglicemia transitória é descrita após o uso do amitraz, por este motivo, cães diabéticos devem ser tratados sob a supervisão do médico veterinário.

O valor varia de R$50,00 a R$ 100,00.

Advantage MAX3

  • Descrição de Anti Pulgas e Carrapatos Combo Advantage MAX3

O Antipulgas e Carrapatos Advantage® MAX3 é indicado para o tratamento e controle das infestações causadas por pulgas, carrapatos e piolhos mastigadores em cães, além de sua ação repelente contra mosquitos transmissores de dirofilariose e a leishmaniose.

  • Laboratório: Bayer

Com produtos inovadores para a prevenção, diagnóstico e tratamento das mais diversas doenças, a Bayer HealthCare tem soluções completas, utilizando tecnologia de última geração para a saúde humana e animal. Principal divisão de negócios do Grupo Bayer mundialmente, a Bayer HealthCare é formada por diferentes áreas de negócios. A Bayer HealthCare Pharmaceuticals, criada a partir da aquisição da Schering pela Bayer em 2006, é focada em produtos de especialidades farmacêuticas.

  • Benefícios

– Eficaz no tratamento e controle de infestações causadas por carrapatos Rhipicephalus sanguineus, transmissores da babesiose, erliquiose e hepatozoonose, eliminando larvas, ninfas e adultos;

– Eficaz contra pulgas Ctenocephalides spp., pois mata rapidamente os adultos presentes no corpo do animal, assim como as larvas de pulga presentes no ambiente;

– Repele e mata mosquitos culicídeos e flebotomíneos transmissores de dirofilariose e leishmaniose;

– Eficaz no combate aos piolhos sugadores Linognathus setosus e mastigadores Trichodectes canis que parasitam cães;

– Proteção por quatro semanas contra pulgas reinfestantes;

– Alívio para cães, devido a sua ação imediata;

– Auxilia a desinfestação do ambiente;

– Pode ser utilizado após banho e tosa.

– Aplicação prática em bisnaga;

– Pode ser aplicado em fêmeas em qualquer fase da gestação ou lactação, além de cães filhotes (a partir de sete semanas de idade) e idosos;

– Pode ser usado com tratamento a DAPP (Dermatite Alérgica à Picada de Pulgas).

  • Como funciona

Retire uma bisnaga plástica do blister, segure-a na posição vertical e retire a tampa. Então, recoloque a tampa no sentido inverso ao anterior e gire-a, quebrando o lacre. Retire a tampa e aplique todo o conteúdo de uma única bisnaga diretamente sobre a pele seca do animal, na região da nuca ou da cernelha. Para isso, os pelos devem ser afastados até que a pele esteja visível para facilitar a aplicação. O conteúdo da bisnaga deve ser aplicado de acordo com o peso do cachorro, podendo ser utilizado após o banho quando o pelo e a pele do animal estiverem secos.

  • Cuidados

Advantage® MAX3 não deve ser utilizado em gatos. Deve-se evitar o contato do produto com os olhos e a boca do animal, mas se ocorrer lave-os imediatamente com água corrente. O produto é de sabor amargo e pode ocorrer salivação se os cães lamberem o local da aplicação imediatamente após a aplicação, portanto não indica um sinal de intoxicação e normalmente desaparece após alguns minutos. Apenas em casos isolados sinais neurológicos transitórios podem ser observados caso o animal lamba o local da aplicação após o tratamento. Se administrado dentro da dose recomendada, não são esperadas alterações da pele dos animais, mas cães com histórico de hipersensibilidade podem apresentar reações alérgicas cutâneas. Em caso de irritação, desconforto ou sensibilidade, o cachorro deve ser banhado demoradamente, com água morna e sabão neutro em abundância, pelo menos três vezes seguidas para remoção do produto. O produto pode ser seguramente aplicado em fêmeas em qualquer fase da gestação ou da lactação, em cães jovens (a partir de sete semanas de idade) e idosos.

O valor varia de R$32,00 a R$80,00.

Comfortis

  • Descrição de Anti Pulgas Elanco Comfortis.

Comfortis é indicado para cães que precisam de alívio imediato, eliminando o sofrimento e incômodo que as pulgas causam. Comfortis inicia sua ação em 30 minutos, matando rapidamente as pulgas, proporcionando alívio para o animal de estimação. É 100% efetivo em 4 horas, melhorando drasticamente o bem-estar dos cães tratados. Não sai na água ou na escovação.

  • Laboratório: Elanco

A missão da Elanco é aplicars as ciências da vida em prol do bem estar das pessoas ao transformar a produção de proteína animal e os cuidados de animais de companhia. A Elanco realiza essa missão usando ciência e sólidos sistemas de qualidade para desenvolver produtos e serviços que melhoram a saúde, o bem-estar e o desempenho dos animais.

  • Benefícios:

– Não é necessário isolar seu pet após a aplicação, assim você fica livre para interagir com seu amigo imediatamente após o uso;

– 97% dos veterinários tem plena satisfação com o produto;

– Comfortis® é um tablete mastigável com sabor de carne, por isso não faz sujeira ou deixa resíduos em seu lar;

– Os cães tem 90% de aceitação do tablete, tanto de forma espontânea como quando oferecido com a ração;

– O Spinosad, princípio ativo do Comfortis®, foi amplamente testado para garantir sua eficiência e principalmente sua segurança;

– Aprovado pelo FDA (Food and Drug Administration) um rigoroso órgão regulador dos Estados Unidos;

– Começa a matar pulgas em 30 minutos, após 4 horas atinge 100% de eficiência;

– Mantém seu cão livre de pulgas por 30 dias.

  • Como funciona

Comfortis® deve ser administrado por via oral de acordo com o peso do seu cão, uma vez por mês, repetindo a dosagem mensalmente. O tablete mastigável pode também ser administrado junto com o alimento ou como outros medicamentos em comprimido. Se você esquecer de administrar um mês de Comfortis®, ofereça imediatamente e retome a administração mensal normalmente. O combate contra as pulgas com Comfortis® pode ser iniciado em qualquer época do ano, sendo o mais indicado um mês antes das pulgas se tornarem ativas. O tratamento deve continuar mensalmente até o final da estação das pulgas. Nas regiões onde as infestações de pulga são comuns o ano inteiro, o tratamento mensal com Comfortis® deve ser continuado durante o ano todo, sem qualquer interrupção. Para combater a possibilidade de reinfestação das pulgas é importante tratar simultaneamente todos os animais da residência.

  • Cuidados

O produto é para uso oral somente em cães e como todo tratamento tópico com inseticidas, deve-se: lavar as mãos com água e sabão após o uso do produto; não fumar, beber ou comer durante a aplicação; manter fora do alcance das crianças e descartar as embalagens vazias no lixo doméstico. Este produto não deve ser utilizado para o tratamento de filhotes de cães com menos de 14 semanas de vida. Caso seu cão vomite até uma hora após a administração, administrar nova dose total. Não divida os comprimidos. A eficiência do produto pode ser reduzida se a dose for administrada em cão de estômago vazio. Em uma infestação, além de estarem presentes no corpo do animal, as pulgas também estarão presentes em sua caminha, paninhos e os locais normais de descanso do pet. Assim esses também devem ser tratados paralelamente com um inseticida adequado, além de aspirados regularmente, para garantir máxima eficiência do produto. As pulgas podem persistir por um determinado período de tempo depois da administração do Comfortis® devido ao surgimento de pulgas adultas, crescidas das pupas já existentes no ambiente. Tratamentos mensais são importantes para quebrar o ciclo de vida e controlar a população de pulgas em um ambiente doméstico contaminado.

Seu valor varia de R$32,00 a R$80,00.

Activyl

  • Descrição de Anti Pulgas MSD Activyl

Activyl é o único produto no mercado eficaz no tratamento contra pulgas em cães com a tecnologia de bioativação, na qual os animais são minimamente expostos ao ingrediente ativo. Ao contrário dos antipulgas disponíveis, a ação inseticida de activyl acontece no interior da pulga, o que torna o produto ainda mais seguro para animais e proprietários.

  • Laboratório: MSD

É o mesmo laboratório fabricante do Bravecto, como já mencionaod anteriormente.

  • Benefícios:

– Recomendado como parte estratégica do tratamento da Dermatite Alérgica à Picada de Pulga (DAPP);

– 95% das pulgas adultas são mortas de 4 a 48 horas após aplicação;

– Activyl™ apresenta uma alta margem de segurança, tanto em cães quanto em gatos;

– Indicado para uso em filhotes de cães e gatos com mais de oito semanas de idade;

– Tecnologia de última geração disponível para o seu pet;

– Mata pulgas adultas e controla a infestação no ambiente;

– Mais eficaz que fipronil;

– Excelentes resultados mesmo após o banho;

– Não possui odor.

  • Como Funciona:

Activyl™ deve ser aplicado diretamente sobre a pele do animal. Remova a pipeta da embalagem e segure-a na posição vertical e mantenha afastada do rosto. Com a outra mão, abra a extremidade da pipeta dobrando-a sobre si própria. Nos cães de pequeno porte coloque a ponta da pipeta contra a pele e afaste os pelos entre as omoplatas, aperte firmemente a pipeta para aplicar todo o conteúdo diretamente na pele do cão. Nos cães de médio e grande porte afaste os pelos em 3 a 4 lugares, todos pela linha dorsal do cão, desde a região do pescoço até a base da cauda.

  • Cuidados

– Lave as mãos após a aplicação e evite o contato com as áreas tratadas até estas secarem;

– Use somente as doses corretas recomendadas para o produto, de acordo com o peso do seu pet;

– Deve-se ter cuidado para aplicar o produto em uma área onde o animal não possa lamber e assegurar que os animais não lambam uns aos outros imediatamente após o tratamento;

– Deve-se ter cuidado para assegurar que o conteúdo da pipeta ou a dose aplicada não entre em contato com os olhos do receptor e/ou de outros animais;

– O produto se mantém eficaz após tratamento com xampu, imersão em água (natação, banho) e exposição à luz solar. Porém, os animais não devem ser banhados ou tratados com xampu até 48 horas após o tratamento com ACTIVYL™;

– Restos do produto ou embalagens vazias devem ser descartados de forma adequada, de acordo com as exigências locais.

Seu valor varia de R$40,00 a R$80,00

NexGard

  • Descrição de Anti Pulgas e Carrapatos Merial NexGard

O Anti Pulgas e Carrapatos Merial NexGard foi desenvolvidos pelos mesmos criadores de Frontline. Trata-se de um tablete mastigável, altamente palatável com sabor de carne, que mata pulgas e carrapatos com ação rápida, protegendo os cães a partir de 6 horas e oferece proteção por 30 dias. Conta com alta tecnologia de uma nova molécula de Afoxolaner, desenvolvida para oferecer uma excelente atividade ectoparasiticida.

  •  Laboratório: Merial
  • Benefícios:

– Dos mesmos criadores de Frontline;

– Tablete com sabor suave de carne altamente aceito pelos cães;

– Mata 100% das pulgas, 6 horas após a administração;

– Mata 100% dos carrapatos, 48 horas após a administração;

– NexGard está disponível em quatro tamanhos para atender a todos os cães;

– Seguro para Cães da Raça Collie;

– Controla as infestações de pulgas e carrapatos por até 30 dias;

– Livre-se do trabalho da aplicação tópica sem se preocupar com o banho ou tosa do seu pet e controlar pulgas e carrapatos.

  • Como Funciona:

Oferecer um tablete mastigável por mês, de acordo com o peso corporal de seu cão, para o manter livre de pulgas e carrapatos. Para melhores resultados, garanta que o cão consuma o tablete por inteiro e o observe por alguns minutos para garantir que nenhuma parte seja desperdiçada. Se houver suspeita de que o tablete não tenha sido consumido por inteiro ou se houver vômito dentro de 2 horas, dê outro tablete para garantir sua eficácia. NexGard pode ser administrado com ou sem alimentos e mesmo com o cão em jejum, pois sua eficiência será a mesma. Para manter seu cão sempre livre de pulgas e carrapatos, NexGard deve ser administrado durante todo o ano. Todos cães que vivem na mesma residência devem receber o tratamento para reduzir o risco de uma reinfestação de pulgas. O tratamento pode começar em qualquer época do ano e deve continuar o ano inteiro. NexGard interrompe o ciclo de vida da pulga por ser capaz de matá-la antes que a oviposição ocorra, sua eficiência é superior a 99,8% no período até 24 horas após novas infestações. NexGard pode ser oferecido a qualquer raça de cão, bem como para filhotes com oito semanas de idade ou mais, pesando 2 kg de peso corporal ou superior. NexGard foi testado em Cães da Raça Collie que são sensíveis à ivermectina. Contudo, não foram observados efeitos colaterais mesmo quando administrada 10 vezes a dose recomendada.

  • Cuidados:

NexGard é para utilização exclusiva em cães, não oferecer a gatos ou outros animais. Não foi avaliada a utilização segura do NexGard em cadelas gestantes, em fase de reprodução ou lactantes. Consulte um veterinário antes de usar em cães com histórico de convulsões. Manter o produto na embalagem original até sua utilização, a fim de evitar que crianças tenham acesso direto. Não comer, beber ou fumar enquanto manusear o produto. Lavar bem as mãos com água e sabão imediatamente após o uso. Restos do produto ou embalagens vazias devem ser descartados de forma adequada, de acordo com as exigências locais. Este produto não deve ser utilizado por humanos, em caso de ingestão acidental, procure imediatamente um médico.

* Consulte sempre o medico Veterinário de sua confiança para o uso apropriado dos antiparasitários citados no post. Leia a bula ou informações descritas na embalagem. Espero ter ajudado, e nos conte se o produto que você usa já deixou de fazer o efeito desejado. Um super beijo nos peludos e até a próxima!

 

Cuidando dos olhinhos do peludo

Esses dias a Dina Nina nos deu um susto. O olho esquerdo começou a ficar mais fechadinho, depois ficou avermelhado e no dia seguinte mal se abria. Pronto! Agendei uma consulta na veterinária oftalmologista e lá fomos nós tentar descobrir e resolver o mal estar da pequena.

O tratamento foi longo, tivemos que dar medicação para dor e aplicar vários colírios (em intervalos meio malucos: um deles deveria ser aplicado 8 vezes ao dia! O outro, a cada 8 horas e o terceiro a cada 6 horas). Em dois dias a peludinha já estava a mesma serelepe de antes, o que tranquilizou toda a família!

cuidado olho Dina Nina

A veterinária nos explicou alguns cuidados que devemos ter com os olhinhos dos peludos:

  • Não fazer chucas muito apertadas, dessas que até impedem o animal de piscar (ela inclusive elogiou a dina por estar usando uma chuca bem frouxinha, apenas para manter os pelos longe dos olhos);
  • Passeios no parque, secador/soprador, vento e outros fatores ressecam os olhos. É importante conversar com o veterinário do seu amiguinho e ver o que pode ser feito para minimizar/prevenir os danos. No caso da Dina, começamos a usar um gel específico para o problema antes e depois dos passeios e banhos.
  • Mantenha os olhos do seu cão sempre limpos. Há substâncias próprias para isso no mercado pet, mas você também pode utilizar soro fisiológico ou mesmo água. Atenção especial para remelas secas/endurecidas, que também devem ser removidas, pois são fontes de entrada de bactérias e outros “seres malignos”.
  • Cães que possuem cílios ectópicos (cílios que nascem no lugar ou na direção errada, ferindo os olhos do animal) devem ser examinados mais frequentemente e ter os vilões retirados periodicamente. A Dina possui apenas 5 cílios nessa posição irregular e a veterinária sugeriu remoção mensal ou bimestral, conforme a necessidade, para evitar que ocorram lesões na córnea. Em casos mais graves, recomenda-se um procedimento cirúrgico.
  • Se a região branca dos olhos ficar avermelhada ou se o seu peludinho estiver esfregando constantemente a cabeça no chão, leve-o ao veterinário. Qualquer surpresa é mais facilmente tratada e curada se descoberta no início!
  • Durante os banhos, cuidado com o xampu! Prefira modelos que não causem ardor nos olhos pelo menos para lavar o rostinho, afinal ninguém quer ver seu amiguinho com dor.

São cuidados simples e fáceis de seguir. Dicas anotadas?

A família vai aumentar… E agora, au-au?

Sempre vejo pelas redes sociais dúvidas como “O que eu farei com meu cãozinho agora que engravidei?”, “Eu tentei, mas cachorro e recém-nascido não foram feitos pra conviver juntos!”… Que raiva me dá!

Da turminha do Shih Tzu Café, sempre fui a que levantou a bandeira pela maternidade (e a louca que quer muitos filhos, rs) e, claro, criar minhas cachorras junto com os futuros filhos sempre esteve nos planos. Um animalzinho não é descartável e, não é porque chegou uma criança na família, que deverá ser deixado de lado.

Saber introduzir a criança ao dia a dia de uma casa é difícil, não nasce ali apenas uma criança, nasce junto um instinto materno, paterno, novas descobertas pra todos ao redor e, sim, nascerá também uma amizade enorme entre o peludinho e o bebê, caso você permita.

“Mas solta muito pelo!” , “mas ele late a todo instante e acorda o bebê!”, “ele morde tudo, inclusive mamadeiras e pipos!”… E por aí vai. Se quisermos desculpas pra ‘nos livrarmos’ do peludinho, arranjaremos mil. Mas DUVIDO que tenha havido alguém que não se debulhou em lágrimas na cena do enterro do Marley (Marley e Eu, filme) quando as crianças fazem suas últimas homenagens… E o mais velho que, ao ser indagado se gostaria de falar algumas palavras, responde: “não, não tenho nada pra dizer, ele já sabe tudo…”? Sim, snif snif snif e já se foi uma caixa de lenços…

Fato é que o primeiro grande amigo e parceiro de seu filho tem tudo pra ser seu peludinho e descartá-lo porque agora sua vida mudou é… Bem… Vejamos… Uma atitude impensada (pra não dizer desumana e repugnante, rs).

Ok. Mas daí vem uma leitora e já solta um: “ué, mas nem filho você tem. Muito fácil pra quem não convive querer falar o que não sabe”. Concordo! Mas posso me sentir apta pra falar sobre o assunto por ter dois pequeninos que amo como se fossem meus e que praticamente não saíram de casa desde que nasceram.

Realmente, os primeiros dias de um recém-nascido são estressantes: é tudo novo, sobretudo se for o primeiro filho. A nova mãe é insegura com tudo, quer proteger sua cria do mundo todo, e inclui nisso os milhões de pelos espalhados pela casa. O bebê não tem hora pra nada e, comsequentemente, a família toda não terá também. A mãe facilmente se esgota e ainda devemos somar à esse cenário as muitas visitas que vem conhecer o bebê – e sempre saberão como criar seu filho melhor que você e criticarão em tudo o fato de você ‘continuar’ com esse cachorro dentro de casa. Ahn?

Veja alguns cuidados devem ser tomados tanto para o convívio longo e sadio entre bebê e peludinho, bem como para manter a higiene da casa:

O comportamento que a grávida/recém-mamãe adotará é extremamente importante. Durante a gestação, manter o cachorro envolvido nas evoluções da gravidez e montagem do cantinho do bebê é ideal. Decidir desde então se o cachorro entrará no quarto do bebê é primordial, pois você deverá adotar o mesmo comportamento desde a gestação para já educar seu amiguinho.

Outra coisa bem importante é manter a rotina do animalzinho o mais parecida com o que era antes da gestação e tentar já adaptá-lo ao que virá. Ex.: tentar ver se os passeios com o peludo prejudicarão os horários de um bebê na sua rotina e já alterá-los. Se faz as necessidades em casa, se assegure que o local escolhido continuará o mesmo após o bebê chegar. Verifique se onde faz as refeições é ideal e se os bebedouros estão em locais de fácil acesso ao peludinho e seguro contra arte de criança levada.

Mas e o primeiro contato? Ah, esse momento deve ter a maior atenção dos papais. Lembre-se: o seu cachorro ama tudo o que você ama, mas sente ciúmes e fica triste. Se, por acaso, ele pressentir que foi deixado de lado, ficará triste e desanimado. Em casa, nunca tive problemas com esse ponto, primeiro porque não eram meus filhos, e segundo porque, mesmo com as crianças em casa, nunca deixei transparecer que minhas cachorras perderam espaço.

O ideal é trazer da maternidade paninhos com cheirinho do bebê e deixá-los perto de brinquedos, vasilha de ração e caminha, para que o cachorro associe aquele cheirinho a coisas gostosas.

Depois trazer a criança pra casa e então, apresentá-la ao peludo. Ora, perder aquele tempinho é muito importante e, mais ainda, respeitar o tempo de cada um. Alguns cachorros estranham e tem medo. Outros, mais curiosos, já querem pular em cima e cheirar tudo. Nessa etapa, o cuidado deve ser com as unhas do animal na pele hiper sensível do recém-nascido e das lambidinhas que eles gostam de dar em sinal de ‘podemos ser amigos?’

Pode ser estressante a agitação do cachorro nesses primeiros dias, algumas vezes incentivados pelas milhares de visitas ou mesmo pelo próprio bebê que ainda não estipulou uma rotina e acaba acordando a todo instante. Interessante então dedicar algum tempinho ao amiguinho, levando-o para passear e recompensando atitudes calmas com petiscos.

Outra dica é envolver os dois nas atividades que puderem fazer juntos, ex: banho de sol com o bebê + passeio com o cachorro. Lanchinho da tarde com frutinha pro bebê e pro cachorro.

Com os dias, a segurança aumenta e essa nova família se ajeita respeitando o limite de cada um. O convívio entre uma criança e um animal é benéfico pra todos e deve ser incentivado. Vários são os estudos que comprovam os benefícios que um animalzinho de estimação trouxe à educação de crianças.

E então, você tem alguma experiência com o assunto? Conta pra gente e não perde nossa sequência, ainda traremos muito mais sobre crianças x cachorros.

Os cães sentem calor?

dina tosada x peluda

Tenho visto uma enxurrada de gente nas redes sociais com a grande dúvida: tosar ou não tosar com todo esse calorão? Se você estiver convencido de que cachorros têm sentimentos e inteligência (aqui as minhas peludinhas me amam, ahhhh, me amam sim!), é evidente que vai concordar que eles também sentem FRIO e CALOR, embora em níveis um pouco diferentes dos nossos.

Eu sempre ouvi que “cães suam pela língua” e que o pelão não influencia em nadinha o calor que eles sentem – inclusive eu já tinha pesquisado isso antes por morar numa região em que, seja janeiro ou julho, o calor domina. Por aqui o normal é os termômetros marcarem 28° num dia nublado!

Mas, então, o que dizem os especialistas e entendedores do assunto? Existe ou não a tal da proteção térmica que a pelagem proporcionaria?

Acompanhei um tosador recentemente numa discussão ferrenha pelas redes sociais levantando a bandeira dos pelões. Mas vi estudante de veterinária e a própria veterinária que cuida das minhas peludinhas defender que pelões podem sim ser prejudiciais no verão e ocasionar ainda mais cansaço e fadiga (daí desencadeia todo um processo de falta de apetite, sonolência, mudança de temperatura e também de pressão arterial, disfunção cardiorrespiratória, desidratação, desmaios, vômitos, etc). E então, quem tem razão?

A idéia de que os cães suam pela língua é mito! O cão tem células sudoríparas na parte de suas almofadinhas – que interessante esse mundo animal! Imagina se suassem pela pele, como nós humanos? Os pelos ficariam oleosos com uma frequência sem igual e assim precisariam de tanto banho como nós! -. Então a transpiração se dá apenas pelas patas. E a língua – sim, ela tem uma participação – atua resfriando o corpo, fazendo a troca do ar quente (interno) pelo ar frio (externo) – daí percebermos os cães sempre de boca aberta no famoso “aff aff” habitual.

Para piorar a nossa situação – ou a dos nossos amiguinhos – os shih tzus têm maior dificuldade em manter o ar frio inspirado devido ao seu focinho curto, tornando a época de calor bem complicada.  E então deixo uma dica: nos dias quentes, os passeios devem ser durante os horários mais frescos – nada de sair tamanho meio-dia! Imaginem que, com o chão quente, podem ocorrer queimaduras nas almofadinhas e diminuir ainda mais a área de transpiração do seu amiguinho. E, numa rápida aula de biologia, o sistema de sudorese auxilia na manutenção da temperatura do organismo, diminuindo-a (resfriando) – ninguém aqui vai querer seu animalzinho pegando fogo, né?

Então fato é que a pele dos nossos peludinhos não possui glândulas sudoríparas, mas a sensação térmica é por eles sentida e sofrida assim como é para os humanos. Aliás, pior, haja vista eles suarem por área infinitamente menor que nós.

Lembra do tal isolante térmico que falei no início do post? É verdade, a pelagem atua como isolante térmico sim, mas em dias quentes a pelagem não tem nenhum sistema de resfriamento divino que combata o calor. Portanto, só piora a sensação dos nossos amiguinhos, que retêm ainda mais o calor no seu organismo, enfrentando dificuldade maior para conseguir se resfriar. E o shih tzu ainda está triplamente nos grupos de riscos: tem focinho curto, em geral apresentam pele seca e tem pelagem compridona.

Outra função da pelagem é proteger do sol. Dai aparando-os não estaríamos expondo nossos peludinhos? Não, definitivamente, não. Ninguém aqui vai passar máquinha zero (a menos que seja necessário) no seu amiguinho, expondo de uma vez a pele do animalzinho. Aliás, com pelo comprido ou não, importante manter o protetor solar em dia! O intuito é aparar os pelos de modo que circule mais vento e os deixem mais a vontade no calorão que anda fazendo.

Nessas horas, o melhor a fazer é prezar pelo bem estar e saúde do animal. Eu, que sempre defendi a pelagem comprida, estou me rendendo e vendo que pode sim ser mais uma barreira para eles enfrentarem durante os dias quentes.

Então, tendo eles a percepção do calor, nos resta saber se a pelagem vai mesmo interferir nisso ou não. As nossas sensações de frio ou calor têm um componente objetivo, ligado à temperatura do ambiente, e outro subjetivo, relacionado à pessoa em si e seus padrões de percepção. Com os peludinhos, acontece da mesma forma, cada organismo reage de forma diferente, sendo que alguns se sentem mais incomodados com os pelos compridos, sim!

Resultado? Tô indo ali marcar a tosa das minhas duas mocinhas. E vocês? Desapeguem, pelo cresce rapidinho e eu tô preferindo ter duas serelepes em casa do que duas mocinhas de vitrine!

E aí, quem aderiu ou aderirá ao pelo curtinho? Não se esqueçam de nos mandar fotos pela nossa fanpage, e contem suas experiências pra gente! E se quiser acompanhar o dia a dia da turminha, sigam nosso Instagram.

Vamos lavar os brinquedos?

yuppie lavando brinquedos

Depois de tanta brincadeira, chega a hora de fazer a higienização dos brinquedos! Aqui em casa lavo os brinquedos mensalmente. Vocês também tem o costume de lavar?

É importante fazer essa manutenção, afinal nossos peludos passam a maior parte do dia com seus brinquedos, mordem, carregam de um lado ao outro e até dormem com eles. A Alice já nos contou sobre o rodízio de brinquedos e podemos usar esse período para fazer a higienização.

Então vamos à limpeza! Como Fazemos?

As tutoras da turminha do Shih Tzu Café são adeptas a máquina de lavar roupas para a limpeza das pelúcias. Aqui eu lavo duas vezes, sendo a primeira com desinfetante ou butox e a segunda apenas com detergente neutro. Lavo duas vezes para que saiam todos os resíduos de desinfetante ou butox, pois as pelúcias ficam em contato direto com a boca do seu pet. Depois deixo secando ao ar livre, mas, caso você tenha uma secadora em casa, pode usar também!

Já os brinquedos de borracha ou plástico lavamos em água corrente com detergente neutro. Depois é só deixar secar naturalmente.

Aliás, é importante deixar os brinquedos secarem muito bem para não criar fungos e bactérias!

Manter os brinquedos do seu pet sempre higienizados faz bem à saúde dele. Evita o acúmulo de ácaros, germes, bactérias e fungos, que podem causar desde pequenas alergias até doenças estomacais.

Então vamos à faxina!