Carteirinha de Vacinação em dia!

Logo nos primeiros meses de vida das nossas bolinhas de pelo, elas passam por uma série de cuidados e um deles é a vacinação. As vacinas são muito importantes para o crescimento saudável e preventivo do seu pet. Mas esse tema ainda causa algumas dúvidas como: “E se passar da época de tomar a primeira dose?” ou “Não tenho certeza se foi vacinado?” ou “Não sei quais vacinas são mesmo importantes” e muitas outras que permeiam o universo canino e seus cuidados.

vacinação

Completar o ciclo de vacinação é fundamental e obrigatório. Na fase inicial, o ciclo conta com 3 doses da vacina múltipla e uma anti-rábica, respeitando a seguinte ordem:

  • 1ª dose: a partir dos 45 dias é a primeira dose da múltipla (V8 ou V10). Dê preferência às importadas.
  • 2ª dose: ocorre com pelo menos 21 dias após a primeira dose (intervalo mínimo para a próxima dose), isso pode ocorrer aos 66 dias. (um pouco mais de 2 meses)
  • 3ª dose: mais 21 dias após a última vacina, será aplicada a terceira dose. (V8 ou V10)
  • A última vacina é a anti-rábica, que, dependendo da idade do filhote e do veterinário, poderá ser aplicada junto a 3ª dose (V8/V10). Mas pode ser aplicada separadamente também.
  • Depois do ciclo completo é preciso renovar anualmente uma dose da vacina múltipla e a uma da anti-rábica.

As vacinas múltiplas previnem as principais doenças: Cinomose, Hepatite Infecciosa Canina, Adenovirose, Coronavirose, Parainfluenza Canina, Parvovirose, Leptospirose Canina. E a anti-rábica imuniza contra a Raiva.

Para o caso de cães (adultos ou filhotes) que você não sabe se foram vacinados, deverá ser feito todo o ciclo e respeitar o intervalo de 21 dias entre cada dose de vacina. Mas se existir histórico de vacinação, respeite a renovação anual. Muitos veterinários desconfiam se realmente foi aplicada a primeira dose da múltipla, se você não tiver certeza e desconfiar também, será melhor que inicie desde o começo todo o ciclo, pois é muito importante ter o cãozinho vacinado e prevenido. Para evitar dúvidas, faça questão da carteira de vacinação com os comprovantes de vacina colados, esse documento é muito importante. Ao lado de cada comprovante, deverá ser anotada a data de aplicação da vacina, a data da próxima dose e o veterinário responsável deverá assinar e colocar o número do seu CRMV.

Além das vacinas obrigatórias, existem as preventivas como a de Gripe, Giardia e de Leptospirose, mas só as aconselho em caso de surto ou evidência de necessidade. Alguns veterinários defendem a renovação a cada 6 meses da Vacina contra leptospirose, mas só renovei uma vez nesse intervalo, quando começou uma obra próxima ao meu prédio e estava com muito rato na rua e fiquei com medo. Mas fora essa necessidade não vejo motivos, já que a múltipla tem validade de 1 ano. Atenção: as vacinas preventivas não são contra indicadas, apenas não são obrigatórias e algumas não possuem um alto grau de eficácia comprovada.

As vacinas podem causar algumas reações e é muito comum ocorrer dias após as aplicações. Alguns sintomas são: apatia, vômito, diarreia, às vezes até febre. Pode ficar dolorido e com um calombinho no local da aplicação, para isso aconselho compressas de água fria ou quente.

Observações importantes:

– Cães com menos de 45 dias não podem ser vacinados;

– Tenha uma carteirinha sempre atualizada e uma agenda de anotações para acompanhar todo histórico do seu filhote;

– Além das vacinas, os vermífugos precisam estar em dia;

– O cão só pode ir a rua e ter contato com outros cães (desconhecidos) após 15 dias de completo todo o ciclo de vacina inicial;

– É indicado o repouso sem passeios de pelo menos 1 semana a 10 dias nas renovações das vacinas anuais;

– Seu cão com as vacinas em dia não precisa participar das campanhas oferecidas pelo governo.

Como cuidar do meu cãozinho em apartamento?

topo

Muitas pessoas ainda ficam na dúvida sobre ter ou não um cãozinho por morar em apartamento, principalmente o de menor metragem. É claro que uma casa ou um ambiente mais espaçoso é confortável para humanos e animais de estimação, mas o fato de morar em apartamento ou ambientes menores não é um impedimento para ter um pet. Só é preciso ter bom senso e escolher os cães de porte compatível e que tenham um perfil mais calmo e coerente com seu espaço e seu condomínio rs.

Algumas raças são ideais para esses espaços e se adaptam super bem. A raça Shih tzu é uma delas, assim como: Bulldog Francês,  Spitz Alemão, Maltes, Poodle, Yorkshire, Lhasa Apso, Fox Terrier, Schnauzer, Pinscher, Dachshund e Pug. Mas vale ressaltar que cada cão tem um temperamento, mesmo que algumas raças sejam mais calmas que outras, por isso é muito importante pesquisar bem antes de escolher. Os cães da raça Shih Tzu, em sua maioria, são tranquilos e quase não latem, são mais preguiçosos que um gato e dormem o dia todo se deixar rsrs, não possuem muita necessidade de exercícios físicos, mas precisam de atividades ao ar livre, e vivem bem em ambientes pequenos.

Veja algumas dicas de como cuidar do seu pet em ambientes pequenos. É imprescindível prezar pelo bem-estar físico e psicológico do seu cãozinho:

  • Espaço interno: pense no espaço mais adequado a ele. Não se limite a área de serviço, exceto em fase inicial de confinamento e/ou aprendizado das necessidades. Muitas pessoas acabam por deixar o cãozinho sempre na área de serviço e isso não é legal. O ideal é estipular o máximo de circulação possível para o seu pet, levando em consideração a segurança dele também. Mantenha esse espaço seguro e sem muitos fios ou objetos que possam causar algum acidente. Aqui em nosso apartamento a pequena Melissa fica com quase todo espaço livre para ela, pois, como passamos o dia fora, optamos por deixá-la mais a vontade.
  • Varanda ou sacada: quem mora em apartamento e possui esse espaço extra é muito bom, mas é preciso torná-lo seguro. Aqui em casa providenciamos as telas protetoras, assim a Mel fica a vontade em mais um espaço. Aproveitei que minha sacada tem um espaço legal e inclui o banheiro dela nesse ambiente, é mais fácil de limpar!

base

  • Passeios regulares: o passeio é um item que faz bem para ambas as partes rsrs. Sair regularmente com seu cãozinho faz bem para o corpo e pra mente, todo mundo fica feliz. O passeio é uma das opções para o seu cãozinho gastar energia e passar o tédio. Para quem mora em apartamento, o passeio no Play ou no estacionamento também vale, principalmente nos dias chuvosos ou quando a cadelinha está no cio.
  • Brinquedos: os brinquedinhos fazem toda a diferença: ter brinquedos educativos e de entretenimento são excelentes para passar o tempo e garantir a diversão do seu cão. O enriquecimento ambiental também é uma ótima dica para o seu Pet.

20150311_222501

  • Limpeza: muitas pessoas questionam se o cão deixa um cheiro desagradável no apartamento. Todo cachorro tem cheiro, uns mais fortes que outros. Mas atualmente existem mil maneiras de você deixar a sua casa perfumada e sem nenhum cheiro desagradável por conta do animal (muitas vezes, nem é culpa dele, tadinho rs). Mantenha a casa limpa regularmente, higienize o cãozinho com banho seco ou lencinho quando já tiver uns 5 dias do  último banho, higienize o sanitário do seu pet, e como produto de limpeza use o Herbalvet.

 

Se tiver mais dúvidas, mande pra gente! Iremos adorar ajudar!

Conheça nossa Fanpage!

 

Tosa na tesoura!

20141121_201359Quem tem pet peludo sabe muito bem o dilema que é: “tosar ou não tosar, eis a questão”. A decisão de tosar é muito pessoal e às vezes ocorre por vontade, às vezes por necessidade. De qualquer maneira é bem vinda, seja na máquina ou na tesoura. Nossos dois últimos posts falam sobre a tosa na máquina, ambos com resultado muito positivo. Mas hoje quero falar um pouco sobre a experiência sobre a tosa na tesoura.

A Mel ainda não tinha feito uma tosa mais curta, os últimos cortes foram apenas para acertar o pelo e eliminar o efeito filhote. Até que veio a vontade de deixá-la mais fresquinha para o verão e acertar melhor os pelos. Confesso que estou apaixonada. Amo-a peludona, mas ficou uma baby linda tosadinha!

A tosa na tesoura precisa ser feita por um bom profissional (como todas as outras), uma pessoa atenta e com paciência. Minhas principais dicas são: acompanhe de perto e busque referências. A tosa na tesoura não é feita por muitos, até porque é um trabalho mais demorado e requer mais atenção.

Levamos cerca de 3h nessa tosa. Não é nada rápida e, se seu cãozinho for muito agitado, não aconselho. O petshop já é conhecido, o pessoal conhece a Mel desde filhote e até duvidaram quando disse que a tosaria um pouco mais. Conversei com a tosadora, que entendeu direitinho o que eu queria! Pedi que fosse aparado bem o peitoral, e no comprimento queria algo após a barriguinha e que fizesse chanel na parte da cabeça (amo!) sem mexer em focinho e franja (prefiro a Mel assim). Também disse que não era necessário mexer no rabinho, apenas aparar.

Olhem como ela estava um tanto peludona!

MEL 01

 

mel 02

Eu gostei bastante do resultado, a Mel ficou mais saltitante e mais fofa <3! E sim, ela faz pose pra tirar foto e sorri também! rsrs

E aí, se animou com a tosa para o verão? Conte pra gente!

Já curtiu nossa fanpage e já está nos seguindo no Instagram?

Sorvete para pet!

SORVETE PET 01

Com a chegada do verão e as ondas de muito calor, a saída é refrescar: além de muita água, os sorvetes para animais também são muito bem vindos – claro que em doses moderadas. Para quem ainda não conhecia a novidade, a ideia faz o maior sucesso entre a cachorrada! No mercado pet, já é possível encontrar em diferentes tamanhos e sabores.

Que fique bem claro: não é para oferecer nosso sorvete humano para os pets, mas sim sorvete feito especificamente para os nossos pequenos. Eles também sofrem com o calor e merecem se refrescar de alguma forma. Os sorvetes para humanos são expressamente proibidos para cães e gatos, uma vez que eles possuem alto índice de açúcar e outros ingredientes prejudiciais que podem causar intoxicação e provocar sintomas como aceleração do ritmo respiratório, ofegância, aumento da temperatura corporal, incontinência urinária, etc.

Para quem curtiu a novidade, a gente separou uma receitinha super simples do site “Cachorro verde”.

 

Receitinha de Sorvete caseiro para cães

Você vai precisar de:

  • Pedaços de fruta, da sua preferência, sem sementes (abacaxi, morango, melão, laranja, manga, etc) – A quantidade de fruta vai depender de como você prefere o sorvete: mais ou menos concentrado.
  • Um pouco de água – apenas para ajudar a liquidificar a fruta, assim o sorvete fica mais homogêneo, encorpado e, claro, mais saboroso!
  • Uma bandeja de gelo – para dar forma aos sorvetinhos!

SORVETE PET 02

Instruções:
Pique a fruta escolhida (abacaxi, morango, melão, laranja, manga, etc) em pedaços e descarte as sementes e caroços.
Bata no liquidificador. Adicione água se necessário para ajudar a liquidificar a fruta, mas é legal utilizar o mínimo possível. Com uma melancia praticamente nem tem necessidade, pois ela já tem muita água.
Despeje o líquido em uma bandeja de gelo de modo a preencher cada espacinho e leve ao freezer. Deixe lá até congelar.
Congelou? Está pronto o Sorvete de Frutas! Agora é só desenformar os cubinhos e servir para seu peludo se refrescar à beça no calorão!

Além da receitinha, você pode contar com outras opções como: cortar cenourinha, beterraba e outras frutinhas, colocar no frezzer e depois é só oferecer. Um petisco saboroso e refrescante!

E aí, já curtiu nossa fanpage e já está nos seguindo no Instagram?

 

Brinquedo do dia: Maçã da ZeeDog

toys

Recentemente a ZeeDog lançou uma linha super divertida de brinquedos. A ZeeDog é uma marca muito querida aqui em casa e na galerinha do ShihTzuCafé – grande parte da turminha possui as coleiras e as guias super fashion deles. Agora resolvi experimentar a linha de brinquedos também e comprei a Maçã por algumas razões específicas.

Nem preciso dizer que foi um sucesso só! A Mel amou de cara e é um brinquedo que ela carrega por toda a casa. Escolhi o brinquedo em formato de maçã por ser uma das frutas predileta dela: ela é louca por maçã ao nível de acordar se alguém pegar uma maçã em casa. Todos os brinquedos dessa linha possuem rigidez e irregularidades diferentes, além de um espaço oco interno para colocar petiscos. Além da maçã, existem outras “frutas” e “legumes”, que são: berinjela, kiwi, couve-flor, ervilha, pera, cenoura, laranja, pimentão e banana.

macazeedog

A descrição do brinquedo de maçã – ZeeDog:

A maçã é um personagem poderoso dos contos históricos e mitos, sendo inclusive símbolo de amor. Mas amor, mesmo, foi o que nós usamos para cultivar nossas Super Maçãs. Cheia de vitamina “Zee”, é garantia de que seu cachorro vai estar sempre feliz. Feita de borracha TPR de alta qualidade, ela flutua, limpa os dentes, massageia a gengiva e possui um interior oco para que você recheie com petiscos saudáveis! Nós até criamos nosso próprio ditado: ‘Uma super maçã por dia a consulta adia’!

O que mais curtimos na maçã é que ela é um brinquedo muito atrativo, já que suas irregularidades fazem com que o cãozinho tenha mais desafios para pegar e carregar com a boca, o que o mantém entretido. Além disso, graças às  irregularidades, ela sempre rola para outros lados no percurso, ela não é como uma bola, lisa, que rola no chão em uma única direção. Sua rigidez não machuca, muito pelo contrário, ajuda na limpeza dos dentes e na fase inicial da troca de dentes.

Clique aqui e veja o vídeo para entender como ela é!

Gosto de intercalar ração, petiscos e pedacinhos de maçã no interior da brinquedo, e faz o maior sucesso. A pequena Melissa fica doidinha quando tem alimento dentro.  O produto é super útil: diverte, alimenta, higieniza e é super fácil de limpar.


A marca é super moderna e cheia de criatividade, amo demais os produtos e suas inovações.

Curta nossa fanpage! E fique por dentro de tudo o que acontece com a turminha no nosso perfil no Instagram!