Meu cão pegou carrapato! E agora?

Só de ouvir esse nome já sinto arrepios… Imagina encontrar carrapatos em meio aos pelos dos meus pequenos! Pois é, tive esse desprazer.

Em meados de janeiro desse ano, me mudei de Campinas para São Paulo. Saí de um apartamento e vim para uma casa térrea com quintal grande, mais cachorros, muita área verde, rua sem saída e muitos vizinhos não tão preocupados quanto eu. Resultado? Infestação por carrapatos logo na primeira semana. Quase enlouqueci, corri imediatamente para o veterinário e pedi o máximo de informações. Afinal, antes eu não me preocupava tanto – e até achava que nunca aconteceria com a gente.

Descobri que, no Brasil, existem quatro tipos de carrapatos, sendo os mais comuns o carrapato-vermelho-do-cão (que transmite  babesiose canina e erlichiose, conhecida como “doença do carrapato”) e o carrapato-estrela (que tem como hospedeiros preferidos os eqüídeos, mas pode também parasitar bovinos, outros animais domésticos e animais silvestres).

Foram os 2 meses mais longos que já passamos… rs… Entre idas e vindas ao veterinário e muitos remédios sem resultado, com muita persistência consegui eliminar 100% dos carrapatos! Não foi fácil, mas espero ajudar com as dicas que vou repassar aqui.

1° higienizar o ambiente.

A primeira coisa a se fazer em caso de carrapatos é limpar o ambiente. Não apenas com produtos comuns de limpeza e sim com produtos específicos para matar esses bichinhos. No mercado pet existem vários tipos e marcas. Aqui, por ser casa térrea com quintal, a veterinária me indicou 2 diferentes:  Triatox para o quintal e K-Othrine para casa em geral. Ambos são venenos potentes, porém o Triatox é mais forte e promete alta proteção da área total, evitando assim que venham carrapatos de fora (das casas vizinhas, por exemplo). O K-Othrine tem um cheiro mais suave (por isso foi indicado para a área interna da casa) e ajuda a eliminar possíveis ovos ou filhotinhos que fiquem em locais de difícil alcance. Além desses produtos, existe também o Butox, que é o mais usado para manutenção dos ambientes tanto internos quanto externos.
Lembrando que todos são venenos e precisam ser manipulados com certo cuidado, com luvas e longe dos animais domésticos. Também nunca devemos dar banhos terapêuticos com esses produtos sem uma indicação veterinária, pois seu cão pode acabar tendo reações alérgicas e até mesmo vir a óbito.

2° eliminar os carrapatos do animal.

Por que esse passo está em segundo? Porque não adianta limpar o cão e ter focos em casa, o bichinho sempre dá um jeito de voltar… rs
Essa etapa é a mais difícil, usei várias pipetas de marcas variadas e nada resolveu. Acredito que as pipetas são ótimas para prevenção, mas após a manifestação, no meu caso, só funcionou o Frontline Spray. Enquanto testava as pipetas tradicionais, ia tirando os carrapatos com a mão mesmo, igual mãe faz com criança que tem piolho… rs
Mas no caso do carrapato temos que ter muito cuidado. Não podemos apertá-lo, o melhor é ter um vidrinho com álcool líquido e ir jogando os bichinhos lá dentro conforme forem retirados do cão. Na hora de puxar, temos que tentar ao máximo tirá-los inteiros. E não se assustem, eles fazem feridinhas no cão mesmo. 😦
Não usei nada tópico nas feridas, até porque já estava na luta das pipetas. Assim, conforme ia encontrando feridinhas, eu passava só um tico de álcool para aliviar. Depois de muitos carrapatos, pipetas e consultas veterinárias, veio a última tentativa: o lindo Frontline Spray! Um produto bem caro, mas com resultado excelente! Bastou uma aplicação seguindo as instruções do rótulo e do veterinário e os carrapatos simplesmente sumiram…
Mesmo sendo um produto indicado para uso tópico, não podemos esquecer dos cuidados básicos, como a utilização de luvas para aplicação e atenção para que o cachorro não vá ingerir o carrapaticida. Também temos que ter cuidados com os olhos e demais orifícios tanto do corpo do cão quanto do nosso. O ideal é passar em local bem aberto. O cheiro é bem forte no início, mas  depois de seco quase não se sente nada.
Lembre-se também de que todo produto carrapaticida deve ser usado 3 dias antes ou 3 dias depois do banho do animal.

3° manutenção.

Essa última etapa é, na minha opinião, a mais importante. A manutenção deve ser feita semanalmente, especialmente da casa. Sim, toda semana lavamos o quintal com Triatox e passamos K-Othrine dentro de casa. Porque tudo isso? Aqui onde moro tem muito foco de carrapatos, cães que tem donos mas vivem na rua, gatos pulando de telhado em telhado, entre outras coisas.
Claro que, para quem mora em lugar com menos movimentação, a manutenção pode ser mais espaçada, entretanto pelo menos no primeiro mês após o fim da manifestação acho bom fazer toda semana. Afinal, nunca sabemos o que sobrou naquele cantinho da parede né… rs
Também é bom manter o uso da pipeta sempre em dia e verificar no rótulo qual o período de proteção de cada produto. Já vi casos de um produto proteger por 90 dias contra carrapatos e apenas 30 contra pulgas (ou vice-versa).
É sempre importante ler bem o rótulo de todo produto antes mesmo de comprar.

Estou desde março completamente livre dos carrapatos e espero que essa minha experiência não tão positiva ajude quem estiver passando pelo mesmo problema. Destaco também que passei várias vezes pelo veterinário e é de suma importância esse acompanhamento! Carrapatos podem transmitir doenças e só seu veterinário de confiança saberá como ajudar nesse caso.

Aproveite e curta a nossa fanpage! Temos sempre novas dicas para vocês!

Anúncios

25 comentários sobre “Meu cão pegou carrapato! E agora?

  1. Olá, qd vc passou o K-Othrine dentro de casa, qt tempo seu cachorro ficou fora até sair o cheiro? Como moro em apt não muito onde deixar eles enqt estou dedetizando.

  2. Adorei a matéria! aqui em casa no quintal eu tenho um bom pedaço com grama no fundo e de vez em quando acaba aparecendo um ou outro carrapato no Scott agora eu não sei se é daqui ou da rua nos passeios… mais para garantir vou limpar tudo…. e bater veneno… gostaria de saber como você usa o K-Otrine dentro de casa.

    • Olá Karla, a maior dificuldade que tive foi de descobrir de onde essas praguinhas vem… Rsrs
      O K-Othrine passo diluído com pano pela casa.
      Você pode usar o Butox também.
      Ambos você precisa diluir mas na embalagem vem a proporção correta.
      Em casa eu tinha piso de madeira que resolvemos tirar em uma reforma, então eu limpava a parte de dentro com mais freqüência. Agora tenho feito a limpeza a cada 15 dias e apenas no quintal limpo toda semana.

      • Meu Téo ta cheio de carrapatos,e eu não sei o q fazer pois ta cheio de feridas.Ele fica todo agoniado,nao aguento mais ver ele assim!Os feiosos nem deixam ele dormir em paz mais!,😢😢

  3. ótima matéria Flávia !, também já passei por uma experiência de carrapato no Mick e pra mim foi assustador, primeira vez que vi um com carrapato . Eu encontrei no dorso descendo o pescoço e estava tão agarrado a pele que foi muito difícil retirar e ficou um buraco, levei o Mick na veterinária e precisou de um medicamento para a pele , mas desde lá tenho cuidado mais e nunca mais apareceu. Tenho evitado passeios em praças principalmente perto da grama onde ele gosta de cheirar, os passeios agora são mais pela calçada mas sinto que ele está mais protegido longe do foco dos carrapatos.
    Obrigada pelas dicas dos produtos de uso interno na casa, também são muito importantes no controle e combate.
    Beijos,Sandra

  4. Pingback: Vamos lavar os brinquedos? | Shih Tzu Café

    • Marcia, o ideal é aplicar remédio próprio para carrapato e fazer a manutenção dele mês a mês. Não aconselhamos utilização de remédio de piolho para carrapato e pulgas. Bjs e obrigada por acompanhar nosso Blog

  5. Vou seguir, minha bebe esta com carrapatos, já dei banho com anti carrapato, remédio oral, pipeta da Bayer, coleira anti carrapato e não acaba!!

    • Nossa Tayná 😥 Você mora em casa ou apt? Veja o item ‘1° higienizar o ambiente’. pq em alguns casos o indicado é acabar com o foco no ambiente em paralelo com tratamento antipulga no cãozinho e depois a manutenção. Qq dúvida estamos à disposição e para um diagnóstico mais detalhado veja a orientação de um veterinário. Bjs e obrigada por compartilhar sua dúvida :*

  6. Adoreeeeeeei a matéria, vou comprar esses produtos aqui pra casa. Mas, preciso de uma ajuda! Meu bebÊ esta com pulga e eu não tenho ideia do que fazer 😦 ele foi ao pet e a menina viu, eu como não tenho muito experiência, não sei oq usar. Vocês tem algo pra compartilhar pra mim? A vet dele só tem vaga pra daqui 20 dias e eu não aguento mais ver a agonia dele se coçando todo. :/

    Beijos :*

  7. Ganhei um filhote de Rottweiler e para minha surpresa descobri que minha casa é infestada de carrapatos, em apenas 3 horas de estadia do bichinho pude notar q ele já tinha carrapato em todo canto, orelhas, patas, pescoço, axila, virilha, foi uma força tarefa pra retirar, inúmeros foram esses bichos asquerosos no bixinho. E agora não sei o que fazer. Como devo eliminar o foco do carrapato no quintal, tenho quintal, como você usa o produto no quintal e como faz o uso dentro de casa. Estou evitando que ele tenha contato com o quintal, bastou ele sair e já voltou com mais de 50 carrapatos foi um sufoco e me deu muita pena ver ele todo se coçando. Me ajudem por favor

  8. Ola!
    Gostei muito da materia, meus bebes estao com carrapatos e creio que vai ajudar.
    Poderia me dizer como lavava o quintal? Fulverizava ou jogava com a agua?

    Obrigada

    Paloma

  9. oi adorei a materia.
    tenho uma dúvida, eu tenho um filhote de 45 dias que esta com pulga! ja tratei ele, mas meu apartamento tem pulga ainda. minha dúvida é se posso passar k otrine no chão mesmo com o filhote de 45 dias?
    obrigado

  10. Ola adorei seu post gostaria de saber se esse frotilime e bom tbm para pulgaseu bb de 3 meses pegou e ja nao sei mas o qie fazer ja dei capstar confortins effipro mas ele ainda se coça a veterinaria ja aplicou um temedinho q naoe recordo o nome para alergia de pulgas e ele ainda se coça e pra minha surpresa peguei um pulga na coberta dele vc acha que o frotiline spray vai me ajudar matar essas pulgas
    😕

  11. Eu comprei uma cachorrinha ela está com 2 meses só que quando eu peguei ela e vi que ela tá cheia de carrapatos e eu já dei banho nele já tirei só que já tem muitos e Não Pêlo dela tá cheio de lêndeas o que eu devo fazer Me ajude por favor

  12. Adorei a Matéria !
    Minhas filhas estão com carrapato, achei desde da fêmea até o filhote.
    só não sei como ela pegou, pq elas não são de sair pra rua, sei que na frente da minha casa (moro nos fundos) tem um cachorro que vive na rua e ta sempre se coçando.
    eu to achando que veio dele, enfim. amei a matéria, vcs me ajudaram muiiiiito !

  13. Olá, depois que coloco o produto, precisa limpar? Ou não faz mal para eles? Pois sempre que utilizamos veneno em casa, um dia após ele secar, passávamos um pano por causa das crianças em casa, e como tinha dizendo que não precisava, fiquei em duvida quanto a isso. Obrigada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s